sábado, 23 de agosto de 2014

CLUBES DA SÉRIE "B" VÃO À GLOBO

Foto: NET
Os clubes que disputam a série "B" do campeonato brasileiro, têm uma reunião marcada para a próxima quarta-feira (27/08/2014) com a direção da CBF, no Rio de Janeiro. É uma iniciativa dos próprios clubes, no sentido de iniciar um processo de negociação, para os próximos anos da competição, visto que, o contrato com a Rede Globo de direito de transmissão, termina no corrente ano. Querem os dirigentes, influenciar na elaboração da tabela, definindo dias de jogos, horários das partidas, e, principalmente, melhorar a partilha das cotas pagas pela Globo para a “segundona”. O atual critério adotado para esta distribuição de cotas, é estranho. Na série "A", há uma disparidade tremenda, dos valores pagos aos clubes. Enquanto Corinthians e Flamengo recebem as maiores quantias, cerca de R$ 110.000.000,00 (cento e dez milhões de reais) ao ano, há clubes que recebem R$ 16.000.000,00 (dezesseis milhões de reais). Se a Globo tem tais critérios, por que na série "B" todos recebem R$ 3.000.000,00 (três milhões)? O momento não parece o ideal para a discussão. A globo tem se queixado do baixo índice de audiência que o futebol tem lhe proporcionado, mormente, após o fracasso do Brasil na copa, e, andou se reunindo com os clubes da série "A". Entendemos ser o momento de os clubes se associarem e buscarem uma distribuição de valores mais justa. O futebol brasileiro está em baixa, a maioria dos clubes em situação econômico/financeira precária, o que denota que o modelo atual não lhes é favorável. Deixar as rédeas apenas nas mãos da TV, pode levar ao caos o nosso futebol. O melhor caminho é a discussão entre várias cabeças para chegar ao melhor termo. Que assim seja!   

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado por fazer um comentário, em breve estaremos analisando e liberando sua postagem. Edmilson Maciel