sábado, 6 de setembro de 2014

A SORTE CORRE LONGE DE FELIPE MASSA

O piloto de fórmula um FELIPE MASSA, é o único brasileiro na mais importante competição do automobilismo mundial. O Brasil que já teve ÉMERSON FITIPALDI, NELSON PIQUET, AÍRTON SENNA, entre outros, hoje guarda poucas esperanças e até tem abandonado as corridas. O MASSA, como todo esportista, precisaria ter um pouco mais de sorte, já que, na minha concepção, é competente. Se já manteve contrato com a FERRARI, é porque tem competência. Como sou absolutamente vidrado em fórmula um, acompanho todos o GPs e na maioria das vezes, os treinos, mesmo os que acontecem na madrugada. Nesse domingo (07/09), teremos o GP de Monza, um dos mais tradicionais. MASSA larga na 4ª posição, atrás de HAMILTON, ROSBERG e seu companheiro de WILLIAMS, BOTTAS. Lembro de 3 episódios marcantes na vida do piloto brasileiro, todos, mui claramente, indicadores de falta de sorte. Em 2008, chegou a cruzar a linha de chegada com  o título na mão, porém, o carro que vinha em quarto lugar quebrou a 300 metros da linha de chegada, o inglês Hamilton que vinha em sétimo, ganhou uma posição, um ponto, e tirou o título de MASSA. Outro episódio marcante na vida do piloto brasileiro, mais uma demonstração de falta de sorte: em 2009, no GP da Hungria, uma porca soltou do carro de RUBENS BARRICHELLO, bateu no asfalto, subiu e desceu no exato momento em que o carro de FELIPE MASSA ia passando. O objeto bateu na viseira do piloto, entrou na sua cabeça e lhe tirou do restante da temporada, no que se configurou uma tremenda falta de sorte. Eram 20 pilotos na pista e o escolhido foi MASSA.  No GP da Bélgica deste ano, foi mais um caso atípico. HAMILTON largou em 1º, ROSBERG em 2º e MASSA em 9º. Logo na primeira volta, ROSBERG bateu e furou o pneu de HAMILTON. Pedaços de pneu ficaram na pista, passaram o 3º, o 4º, o 5º, o 6º, o 7º e o 8º, e um pedaço da peça se encaixou exatamente sob o assoalho de FELIPE MASSA, o 9º. Parou no box, os mecânicos não conseguiram detectar o problema, depois de 31 voltas voltas, com a corrida já comprometida, parou novamente e retiraram o objeto. Como em todo esporte, o praticante precisa ser competente, determinado e contar com a sorte, MASSA pode ter as duas primeiras, acho até que tem de sobra, porém, a sorte passa longe. E o Brasil não tem um representante à altura, para embalar minhas manhãs de domingo e de milhares de adeptos da Fórmula um.
FELIPE MASSA - Acidente na Hungria - Foto NET
    

1 comentários:

Postar um comentário

Obrigado por fazer um comentário, em breve estaremos analisando e liberando sua postagem. Edmilson Maciel