sábado, 8 de novembro de 2014

CEARÁ X ATLÉTICO - SÓ FALTOU A BOLA ENTRAR

O CEARÁ voltou a jogar bem, depois de algum tempo. Vindo de 4 derrotas seguidas, o técnico PC GUSMÃO conseguiu arrumar o time com as peças que lhe foram colocadas à disposição, porém, faltou um pouco de sorte. 
As jogadas foram criadas, as chances surgiram numerosas, mas, na hora da definição, até o MAGNO ALVES falhou. Ou foi o goleiro adversário que se agigantou? As duas coisas. 
Goleiro MÁRCIO - O melhor do jogo - Foto: NET
A primeira grande oportunidade surgiu com o lateral direito MARCOS, em cruzamento de ASSISINHO. Cabeçada para baixo, como manda o manual, a bola bateu no pé do goleiro. 
Mais uma perdida, quando BILL, só com o goleiro MÁRCIO, bateu fraco e em cima dele. 
Até o MAGNATA, Artilheiro do BRASIL, perdeu 3 chances incríveis. Sem contar com mais 2 do BILL. Ao todo foram 7 oportunidades reais, desperdiçadas, durante o jogo, nenhuma aproveitada a contento. 
O Adversário também teve as suas, e o goleiro LUÍS CARLOS também fez os seus milagres. Quando a maré não está para peixe, não tem jeito, rede, só para dormir. O empate tornou o sonho do acesso, quase impossível. 
Continuo com o meu pensamento fixo de que, 3 das 4 vagas já estão ocupadas por JOINVILLE, PONTE PRETA e VASCO DA GAMA, e a última, continua com 5 pretendentes. Para dificultar, na ordem de classificação, a pior situação é a do CEARÁ. Como ainda resta alguma chance, é manter a esperança. Que venha o VASCO, no próximo sábado. 
Com 51 pontos ganhos, 4 jogos a realizar, o alvinegro terminou a partida na 7ª colocação, ainda há 2 pontos do 4º colocado, e poucas, mas, algumas chances, por menos que sejam, de acesso.   

1 comentários:

Postar um comentário

Obrigado por fazer um comentário, em breve estaremos analisando e liberando sua postagem. Edmilson Maciel