terça-feira, 23 de dezembro de 2014

CLUBES PERNAMBUCANOS TÊM DÍVIDAS TRABALHISTAS MONSTRUOSAS

Dívidas trabalhistas quase impagáveis, atormentam os 3 grandes clubes pernambucanos. Somando tudo, chega a mais de R$ 75 milhões.
O SPORT é quem tem o menor passivo. Mesmo assim, são valores consideráveis. 
São os seguintes os montantes das dívidas trabalhistas dos 3 clubes:

CLUBE
DÍVIDAS 
PROCESSOS
SPORT RECIFE
R$   5.800.000,00
10
SANTA CRUZ
R$ 23.400.000,00
247
NÁUTICO
R$ 46.500.000,00
118
TOTAL
R$ 75.700.000,00
375

Estas dívidas, geralmente, são provenientes de administrações perdulárias, em que o dirigente assume o clube, sem a devida responsabilidade pelos atos praticados. Vão-se os dirigentes e fica o buraco. 
Há mais de uma década, o sistema funciona, com a concentração das ações julgadas, sendo encaminhadas para a 12ª Vara do Trabalho, de Recife, que tenta administrar cada caso, de acordo com o que lhe é direcionado, pelos 20% de cada receita dos 3 clubes.
Para se ter uma ideia de valores, relacionamos os 3 maiores credores individuais dos 3 clubes:

CLUBE
CREDOR
DÍVIDA
S. CRUZ
Meia NETO (A. R. SOUZA)
R$ 6.265.497,10
SPORT
Técnico RICARDINHO
R$ 3.268.269,98
NÁUTICO
Volante ANDRÉ GHELER
R$ 1.484.524,08

Vale esclarecer, que, segundo a direção do SPORT, todos os processos já passaram por negociações e acertos, faltando apenas o que envolve o técnico Nelsinho Batista, pai do atual técnico do clube, e outros 2 de menores valores. Segundo a mesma fonte, os valores já estão devidamente provisionados o que assegura ao clube rubro-negro, o direito de dispor da sua certidão negativa. 
NÁUTICO e SANTA CRUZ, no entanto, terão ainda, muitas dores de cabeça, apara liquidar o passivo, que tende a crescer cda vez mais, pelos acréscimos de juros, correções, etc.  

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado por fazer um comentário, em breve estaremos analisando e liberando sua postagem. Edmilson Maciel