sábado, 24 de janeiro de 2015

BOTAFOGO RECLAMA DA COTA DE TV

Carlos Eduardo Pereira
Foto: NET
Mesmo tendo sido rebaixado para a Série "B" do Campeonato Brasileiro, o novo presidente do Botafogo/RJ, vai reclamar da globo, os valores que são pagos ao clube, pelo direito de transmissão do "Brasileirão". 
Segundo o atual mandatário do alvinegro, empresário Carlos Eduardo Pereira, nada justifica uma disparidade tão violenta, entre os clubes.
Na sua visão, a empresa remunera razoavelmente os dois clubes de maiores torcidas no país, e leva a reboque, os demais integrantes. 
Ele reclama que, Flamengo e Corínthians, embolsarão R$ 113 milhões de reais este ano, enquanto o Botafogo leva apenas R$ 60 milhões. É pouco mais da metade a cota paga ao clube.
E imaginar que, o Cruzeiro, bi-campeão brasileiro, também recebe o mesmo valor do rebaixado Botafogo
Com o estratégico fim do Clube dos 13, as negociações passaram a ser efetuadas diretamente com os Clubes. Endividados, quase sem poder de barganha, os dirigentes ficam à mercê da vontade da direção da emissora. O pior, é que, quase todos já receberam cotas adiantadas. O presidente do Botafogo, ao reclamar dos valores, já vai solicitar adiantamento de parte da cota de 2016, já que a deste ano, já era. 
Dá para imaginar o que deve acontecer. 
O patrão vai dizer: "Quer dinheiro adiantado? Assina aqui, de preferência sem ler o que está escrito!.
Assim, continua o futebol brasileiro, refém de uns, e olhando assustado para os alemães.
Um dia, a coisa muda. Quem sabe, daqui a 1000 dias, ou até, daqui a 1.000.000 de dias.
A esperança, é a última que morre!



0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado por fazer um comentário, em breve estaremos analisando e liberando sua postagem. Edmilson Maciel