quinta-feira, 30 de abril de 2015

CEARÁ CAMPEÃO INVICTO DA COPA DO NORDESTE

Foi uma decisão digna das duas maiores equipes do nordeste, na atualidade.
Ceará e Bahia, fizeram um jogo carregado de emoções, coroando uma festa expressiva, parecendo até, que reverenciavam uma torcida fantástica, que lotava as arquibancadas do Castelão.
O Bahia, com um time forte, precisava vencer, e veio para cima.
Imprimiu um ritmo muito forte logo no início da partida, e teve as suas chance. Aos nove minutos, um cruzamento da direita, a bola foi cabeceada e Ricardinho salvou em cima da linha.
Aos quinze, Ricardinho recebeu na direita, cruzou na medida, na cabeça do zagueiro Charlles que acerta o gol. 
Foi o suficiente para controlar melhor os nervos dos atletas e também, da torcida alvinegra.
O jogo ficou ainda mais bonito, com os dois times procurando a meta adversária.
O início da segunda etapa, foi eletrizante. 
Logo aos dois minutos, em contra-ataque, Magno serviu a Wescley que finalizou sem sucesso.
Um minuto depois, Kieza quase marcou, aproveitando um rebote.
Aos seis, Ricardinho bateu escanteio da direita, o zagueiro Gilvan  cabeceou, fulminando o goleiro Jean.
A partida continuou movimentada, e, aos trinta e oito, uma triangulação perfeita, em contra ataque, Ricardinho a Magno Alves, este a Marcos Aurélio que entrou pelo meio, e na cara do gol, tocou para fora.
Aos quarenta e quatro, numa saída de bola errada, Luís Carlos tentou sair jogando, Maxi Biancuchi interceptou e tocou por cobertura, fazendo um belo gol. 

O zagueiro Charlles, foi escolhido o "Craque do Jogo", pela Equipe Bola na Rede da Rádio A3 FM 91,3

A vitória de 2 X 1, trouxe alguns fatos importantes para o Ceará
O principal deles, a conquista de um título expressivo. Foi o primeiro do Ceará, no novo formato da Copa do Nordeste, agora, com as vinte melhores equipes da região,
Além da gorda premiação de R$ 1.500.000,00 o direito de disputar a Sul-americana deste ano,. É a segunda vez, que o alvinegro participa dessa competição internacional, já que, em 2011, esteve lá também.
Outra marca história, foi a quebra do recorde de público da Arena Castelão. Foram 63.399 pagantes que fizeram uma festa inesquecível. Foi também, o maior público do futebol brasileiro no ano de 2015. 
Um título, que proporcionou ao torcedor alvinegro, o direito de soltar o grito:


É CAMPEÃO !!! 



0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado por fazer um comentário, em breve estaremos analisando e liberando sua postagem. Edmilson Maciel