quinta-feira, 14 de maio de 2015

FORTALEZA ELIMINADO DA COPA DO BRASIL

O retrospecto das duas equipes era favorável ao Fortaleza. Enquanto o tricolor cearense vinha de 7 partidas sem perder, o Coritiba vinha de 4 derrotas seguidas. Para deixar mais patente a vantagem, um simples empate seria suficiente para a classificação. E o início da partida, parecia indicar a classificação do Fortaleza para a 3ª fase da Copa do Brasil. 
O time teve um bom início de jogo, teve o domínio da partida em certos momentos, mas, aos 39 minutos, Ruy recebeu em liberdade, arrumou e bateu de fora da área, rasteiro e Deola aceitou.
Na segunda etapa, logo aos 7 minutos, o Fortaleza encontrou o caminho do gol. 
Cobrança de escanteio pela esquerda, a bola quicou na pequena área, a sistema defensivo só olhou e Daniel Sobralense livre, testou de cabeça, empatando o jogo. 
A reação do Coritiba veio logo 3 minutos depois. Cruzamento da direita, a zaga se enrolou toda com o goleiro Deola, fez a lambança e Rafhael Lucas pegou a sobra e definiu o placar, em 2 X 1 para o Coritiba, o que levou a decisão para os pênaltis.
Foi aí que as duas equipes mostraram certa competência. 


Ao final de um bom tempo, placar de 10 X 10, foi a vez dos dois goleiros fazerem as cobranças. O do Coritiba, Bruno, marcou, estabelecendo 11 X 10. Na hora do Deola, ele isolou a bola, jogando por cima, nas cadeiras do Couto Pereira.  
O Coritiba segue na Copa do Brasil, enquanto o Fortaleza volta, e vai se dedicar ao sonho de largar a Terceira Divisão do Brasileiro.

Coritiba 2 X 1 Fortaleza (Pênaltis 11 X 10)

Competição: Copa do Brasil - 2ª fase
Local: Estádio Couto Pereira
Data: 13/05/2015
Arbitragem: Pathrice Wallace Maia, Gilberto Stina Pereira e Francisco Periera de Souza (RJ).

Bruno, Ivan, Leandro Almeida, Welinton e Carlinhos (Leandro Silva); Hélder, João Paulo, Ruy (Rosinei) e Thiago Galhardo; Negueba (Wallyson) e Rafhael Lucas; 
               Técnico: Marquinhos Santos

Deola, Tinga, Lima, Adalberto e Radar; Correa, Pio (Lúcio Maranhão), Auremir e Daniel Sobralense (Elias); Cassiano;
Técnico: Marcelo Chamusca

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado por fazer um comentário, em breve estaremos analisando e liberando sua postagem. Edmilson Maciel