domingo, 14 de junho de 2015

BAHIA SE VINGOU DO CAMPEÃO DO NORDESTE

Um jogo equilibrado, com chances para os dois lados. Foi assim a partida entre os dois melhores clubes do nordeste, na tarde de sábado (13/06), na Arena Fonte Nova, em Salvador, pela 7ª rodada da Série "B" 2015.
Ao final do jogo, o Bahia festejava o placar de 1 X 0 ao seu favor, como uma espécie de vingança da final da Copa do Nordeste.
Com vários jogadores entrando sem o melhor das suas condições, o Ceará pagou por isso. Evoluiu um pouco, mesmo não sendo o suficiente, mas, há de se ver que o time encarou um adversário poderoso, dentro da sua casa, e, mesmo perdendo, apresentou um bom futebol. Foi diferente daquele time desmotivado do jogo contra o Sampaio. Em resumo: começa a mostrar sinais de recuperação. Para desgosto de alguns, Silas permanece.
O Bahia fez prevalecer o mando de campo e marcou o gol, no momento em que o zagueiro Charles, um dos destaques da partida, estava fora de campo, sendo atendido pelo médico alvinegro.
Duas etapas equilibradas em que as duas equipes criaram várias chances obrigando os dois goleiros a belas defesas.
Foto NET
O gol saiu aos 15 minutos do segundo tempo, em lançamento da intermediária, a zaga saiu para provocar o impedimento e Maxi Biancuchi entrou livre para cabecear e marcar.
A partir daí o Bahia se fechou, o Ceará foi para cima, abriu espaço para os contra-ataques e o jogo ficou mais aberto.
Ricardinho e Marinho ainda tiveram duas belas oportunidades, mas erraram na hora da finalização.
Com a derrota, o Ceará termina a 7ª rodada em 19º lugar, e encara no próximo sábado o Santa Cruz, no Castelão.


Bahia 1 X 0 Ceará



Competição: Série "B" - 7ª rodada
Local: Arena Font Nova
Arbitro: Vinícius Gonçalves Araújo - SP
Gol: Maxi Biancuchi (15' 2ºt)


Douglas Pires, Tony, Robson, Titi e Marlon (Wilson Pitoni, Tiago REal, Bruno Paulista e Rômulo (Leo Gamalho); Maxi Biancuchi (Feijão) e Kieza;
Técnico: Sérgio Soares

Tiago, Buiú (Roniery), Charles, Gilvan e Fernandinho; Baraca, Ricardo Conceição (Wescley), Ricardinho e Marinho; Vinícius (Rodrigo Silva) e Róger Gaúcho;
Técnico: Silas

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado por fazer um comentário, em breve estaremos analisando e liberando sua postagem. Edmilson Maciel