domingo, 21 de junho de 2015

CEARÁ 3 X 3 SANTA CRUZ - EMOÇÃO ATÉ O ÚLTIMO MINUTO

O empate não foi bem o que o torcedor queria. mas, pela circunstância da partida, deu para o alvinegro absorver. Com um jogador a menos desde o primeiro tempo, o time mostrou raça suficiente para dar um novo ânimo em busca da recuperação.
Logo no início do jogo, aos 3 minutos, o Ceará já mostrou que estava disposto a retomar o caminho da vitória. Nos vinte primeiros minutos, teve três ótimas oportunidades. 
A primeira com Marinho que entrou pela direita driblou para dentro e bateu de pé esquerdo, com Fred esmurrando com dificuldade a bola. 
A segunda, mais uma vez com Marinho que driblou o marcador e bateu voltando e a zaga desviou para escanteio.
A terceira, mais uma vez teve a participação de Marinho. Ele serviu de calcanhar a Ricardinho que bateu de bico e a bola passou raspando a trave direita do goleiro Fred.
Aos 25 minutos, em contra-ataque rápido, Ânderson Aquino entrou na área e foi derrubado pelo goleiro Tiago. O árbitro marcou o pênalti e, com extremo rigor, aplicou o cartão vermelho ao goleiro alvinegro. Luís Carlos entrou no lugar do atacante Vinícius.
Ânderson Aquino bateu e abriu o marcador. 
Com um a menos, o Ceará precisava reagir e o fez. e não custou muito. Logo aos 31 minutos, Marinho lançou na diagonal da direita para a esquerda, Róger Gaúcho apareceu na pequena área pela esquerda e tocou, a bola bateu no goleiro, voltou e o próprio Róger Gaúcho caído, complementou, empatando o jogo. 
Na segunda etapa, o Ceará usou da vontade para dominar a partida.
O Santa se segurou como pode. Aos 20 minutos, numa falta na intermediária, pela direita, a bola foi lançada na pequena área do Ceará. Luís Carlos cochilou e só acompanhou a trajetória. Ânderson Aquino cabeceou livre fazendo 2 X 1 para o Santa.
Aos 31, Ricardinho cruzou da direita, Fabinho que entrara no lugar de Róger Gaúcho, tocou, a bola bateu no braço do zagueiro e o árbitro marcou pênalti.
Marinho bateu e empatou o jogo. 
Depois de duas boas oportunidades criadas pelo Ceará, uma aos 41 Uiliam cabeceando no travessão numa cobrança de escanteio e outra com Fabinho chutando de fora da área e a bola raspando a trave, o Santa marcou mais um aos 45 minutos. Bate-rebate na área do Ceará, Valdson chutou, fazendo 3 X 2. 
Marinho - Foto NET
Quando já parecia derrota certa, aos 48, Marinho pegou rebote fora da área, arrumou e bateu cruzado, empatando o jogo em 3 X 3.
Com grande atuação, o atacante Marinho foi escolhido por unanimidade, o "Craque Bola na Rede".
Com o empate, o Ceará foi a 6 pontos ganhos, continua na penúltima colocação e enfrenta as duas próximas partidas fora de casa. Na sexta-feria dia 26/05 enfrenta o Oeste em Osasco/SP, e na terça, dia 30 pega o Luverdense em Lucas do Rio Verde/MT.
O alvinegro cearense volta a atuar em casa, dia 7 de julho, quando recebe o Botafogo/RJ.  




Ceará 3 X 3 Santa Cruz


Local: Arena CAstelão 
Competição: Série "B" - 8ª rodada
Data: 20/06/2015
Renda: 67.853,00
Público: 6.934 pagantes
Árbitro: Wasley do Couto Leão (PA) 


Ceará: Tiago (Luís Carlos), Buiú, Charles, Gilvan e Fernandinho; Baraka (Siloé), Uiliam Correia, Ricardinho e Róger Gaúcho (Fabinho); Marinho e Vinícius;
Técnico: Silas

Santa Cruz: Fred, Nininho, lemão, Dany Morais e Lúcio; Welington, Natan (Bileu), Bruninho e João Paulo; Ânderson Aquino e Renatinho (Luisinho);
Técnico: Marcelo Martelotte

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado por fazer um comentário, em breve estaremos analisando e liberando sua postagem. Edmilson Maciel