sábado, 4 de março de 2017

ASSIM SE PRODUZ UMA CRISE


Ao ler os principais jornais de Fortaleza, na manhã deste sábado pós-carnaval, nos deparamos com um fato interessante. Ao lermos as matérias sobre os dois principais clubes do nosso estado, notamos como se direciona o pensamento da massa, usando-se a força do nome do órgão de comunicação.

Quando se refere ao Fortaleza, o jornal espelha de forma explícita, a vida serena que vive o clube, com o técnico Marquinhos Santos avaliando o elenco. O jornal se refere ao "momento de calma aparente do clube, antes dos jogos decisivos". Essa "calma aparente", é de um time que vem de uma derrota em casa  contra o Tiradentes por 2 X 0 pelo Campeonato Cearense, desclassificação para o pouco conhecido São Raimundo na Copa do Brasil com derrota de virada, dispensa de técnico, dispensa do diretor de futebol César Sampaio, e uma campanha mediana no campeonato estadual, estando 5 pontos atrás do líder Ceará.
Quando se refere ao Ceará, o tratamento é bem distinto. Começa falando na decepção por haver empatado com o time reserva do Grêmio, em Ponto Alegre, só que criaram um time "C", nomenclatura nova no futebol. Por que nomenclatura nova? O time principal do Grêmio está concentrado para o jogo contra o Internacional, o que jogou contra o Ceará é o 3º time e não se sabe onde está o 2º time, ou não existe? Se o Ceará está em crise porque empatou com o time reserva do Grêmio em Porto Alegre, o time "adotado por eles" perdeu em casa para o Tiradentes e vive um momento sereno. O objetivo parece bem claro: explorar no seio do torcedor alvinegro, uma crise, acirrando cada vez mais, a insatisfação do torcedor, pela desclassificação na Copa do Brasil, já que no estadual, a liderança isolada pouco interessa. É uma receita de um trabalho sub-liminar, que tem dado certo, pelo menos para parte da torcida que se nega a raciocinar com a razão dos fatos. Lógico que estamos longe de ver o Ceará em situação confortável, porém, camuflar uma realidade, comparando com um adversário fragilizado, parece patético!    

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado por fazer um comentário, em breve estaremos analisando e liberando sua postagem. Edmilson Maciel