domingo, 2 de abril de 2017

FERRÃO ATROPELA O LEÃO E LARGA COM VANTAGEM



O Ferroviário fez valer a máxima de que em se tatando de clássico, nunca há favorito. Em jogo realizado na tarde desse domingo (02/04), venceu o Fortaleza no Castelão, com direito até a olé. 
O jogo, marcou a abertura da fase semifinal do Campeonato Cearense, que prevê duas ou três partidas, nessa fase. 
Como o Ferroviário venceu a primeira, basta vencer mais uma, ou mesmo, empatar a duas próximas partidas, que estará na final, com o vencedor de Ceará e Guarani de Juazeiro. 
Na primeira etapa, ocorreu um lance que deixa em apuros a fraca arbitragem cearense.
O atacante Mota marcou um gol, o auxiliar, responsável pela marcação de impedimento correu para o meio, sinalisando tento normal. Foi advertido por uma repórter de um canal de televisão que transmitia o jogo, que o jogador estava impedido. Retroagiu, chamou o árbitro e decidiram anular o gol coral. Em um estado em que houvesse um comando firme, uma administração de arbitragem que tivesse um mínimo de zelo pela lisura no esporte, seria bem diferente o tratamento dado a determinados árbitros e auxiliares. No nosso pobre futebol, os protagonistas da atitude surreal, deverão ser premiados, ao final da competição, com a outorga de algum tipo de troféu que lhes será, certamente, ofertado.
Os dois gols da vitória coral, foram marcados na segunda etapa. Aos 3 minutos, em uma bola vindo da esquerda, o zagueiro Tony Belém desviou de cabeça, para festa da torcida coral. A segunda vez  qeu o Ferrão balançou a rede, foi aos 32 minutos. Lançamento para a Área, a zaga tricolor falhou mais uma vez, Mota matou no peito e bateu cruzado de pé esquerdo, fechando o placar da partida. A partir daí, o time passou a rolar a bola de pé em pé, aplicando até um olé, comemorado de forma efusiva pela torcida coral nas cadeiras do Castelão. No próximo domingo, dia 09, será disputada a segunda partida da fase. 

0 comentários:

Postar um comentário

Obrigado por fazer um comentário, em breve estaremos analisando e liberando sua postagem. Edmilson Maciel