TABELAS

SÉRIE A
COPA DO MUNDO
SÉRIE B

segunda-feira, 1 de outubro de 2018


segunda-feira, 1 de outubro de 2018

NA VISÃO DO TOCEDOR - ÂNGELO VIANA (01/10/18)

Foto: Lucas Moraes - Ceará S C

Um jogo para entrar para a história do mais querido,  principalmente pelo magnifico resultado.

O Ceará que se esperava  no primeiro tempo, com o apoio de sua numerosa torcida que ocupou quase 30 mil lugares na Arena Castelão, era aquele time que saiu derrotado injustamente para o Grêmio na rodada passada no Olímpico.

Aquele time aguerrido, valente, que joga e não deixa jogar.

Mas não foi isso o que se viu.

Pelo contrário, daquele time só tinha as camisas.

Resultado da tragédia do primeiro tempo: Chapecoense
1 X 0 , numa falha de Éverson que espalmou a bola para o lugar errado.

Aliás, o goleirão alvinegro pratica milagrosas defesas e falhas em lances primários.

Deu vontade de não ver mais o jogo, deu azia nos olhos aqueles primeiros 45 minutos.

Veio o segundo tempo e a esperança de o time da Chape não marcar o segundo gol e sair daqui com os três pontos, o que seria uma martelada no dedo, uma agulhada no olho do torcedor e de todo o grupo.

Veio também a esperança de o time voltar diferente!

Mas, como voltar diferente?

O que poderia fazer Lisca para levantar o ânimo daquele time desconhecido e abatido do primeiro tempo?

Lisca foi para o vestiário sabendo o que precisava ser mudado para o segundo tempo.

Através de sua maneira motivacional, ele injetou gás novo no grupo, e sem trocar nenhuma peça, fez o time reeditar aquele futebol vistoso praticado lá nos pampas onde o próprio técnico gremista elogiou a forma de jogar do time cearense.

Na minha concepção, três nomes se destacaram!

O excelente Valdo  que acabara  de salvar um gol em cima da linha e minutos depois, vai  lá na área adversária e empata o jogo.

Um presente à  sua dedicação!

Juninho Quixadá que infernizou a vida do time verde.

Joga demais esse rapaz, enquanto tem fôlego.

E Arthur que trombou, voltou prá pegar o jogo e marcou um golaço.

Gol de centro avante, de artilheiro, de matador.

O que disse o Lisca no vestiário, nós não vamos saber nunca!

Que foi um jogo que foi ganho pelo técnico, que tem o grupo na mão, isso foi.

E não é todo técnico que pode gozar desse privilégio.

O Vozão agora vai enfrentar o Botafogo do Rio daqui a quinze  dias, pois o jogo contra o Cruzeiro foi adiado em virtude do time mineiro está disputando a Taça Libertadores.

Bom para o Ceará que vai ter tempo de sobra para colocar todo mundo na ponta dos cascos...

 Angelo Viana

NOSSOS PATROCINADORES

Copyright © BLOG DO EDMILSON MACIEL™ is a registered trademark.

Designed by Templateism. Hosted on Blogger Platform.